Substantivos - Exercício contextualizado 9ºano


A importância dos substantivos no texto 
Além de ser uma classe de palavras das mais importantes por nomear as coisas do mundo, os substantivos também são essenciais para a construção de sentido de um texto e podem ser úteis para evitar repetições, além de serem um rico recurso para construir a ideia sobre a pessoa ou o objeto de que se fala ou para dar a ideia de movimento, de ações acontecendo no tempo. 

1. Leia o texto a seguir, prestando atenção na forma como o autor usou os substantivos em sequência e no efeito de sentido desse uso. 

O reencontro 

Na festa, os dois em grupos diferentes. De repente, os olhares, os sorrisos, os olhares, [...] sorrisos, conversas desviando, novos olhares, a aproximação meio nervosa, o aperto de mão, o abraço, os beijos nas faces, olhares fundos, medo de falar, mãos se apertando, abraço, beijo na boca, carícias nos cabelos, as mãos dele na cintura dela, as mãos dela envolvendo o pescoço dele, um longo beijo na boca, loucura nos carinhos, abraços e beijos, olhares dos presentes, comentários, o mundo só deles, só neles, só eles, para sempre e de novo, juntos. 

JOSÉ. Elias. A vida em pequenas doses. São Paulo: Global, 2000. p. 32. 

a) Quem são os dois citados no início do texto? 

b) As personagens são apresentadas por uma sequência de substantivos. Quais evidenciam o que estava acontecendo? 

c) A sequência de substantivos ajuda a construir a cena e sinaliza a sequência das ações realizadas pelas personagens. Que ações foram essas? 

d) No trecho: "olhares dos presentes, comentários", explique: 
I. Por que você acha que todos estavam olhando? 
II. Que comentários provavelmente foram feitos? 

e) O substantivo olhares aparece cinco vezes no texto. Essa repetição é intencional. 
I. Qual é a importância dessa repetição para a construção de sentido da história? 
II. Mesmo sendo repetido, esse substantivo aparece seguido de outras palavras que diferenciam os olhares. Que palavras são essas e como elas modificam o sentido de "olhares"? 
III. Que outros substantivos se repetem? Por quê? 

RESPOSTAS

1.
a) Duas pessoas apaixonadas que não se falavam há algum tempo. 

b) Olhares, sorrisos, conversas, aproximação, aperto de mão, abraço, beijo, mãos no pescoço, carinhos, comentários. 

c) Primeiro, os apaixonados estão distantes, mas se olham com frequência. Parecem felizes com o reencontro, pois sorriem. Depois, eles se aproximam e, timidamente, começam a se olhar profundamente, a dar beijos no rosto e a fazer carinho nos cabelos. Por fim, se entregam ao amor com longos beijos na boca e loucas carícias, sinalizando um reencontro para viverem esse amor. 

d) 
I. As pessoas da festa provavelmente estavam surpresas com o excesso de carinho em público ou com o reencontro dos dois, como um casal. 
II. Resposta pessoal. 

e)
I. A repetição evidencia como as personagens estavam ansiosas e interessadas em ver uma à outra. 
II. O substantivo olhares aparece acompanhado de os, novos, fundos, dos presentes. Professor (a), apoie os (as) estudantes a perceberem as nuances de sentido, dependendo da palavra que acompanha o substantivo. 
Em os olhares, refere-se especificamente aos olhares das duas personagens em destaque; em novos olhares, significa a insistência na troca de olhares; em olhares fundos, significa que as personagens tornaram seus olhares mais intensos, de modo a expressar o que estavam sentindo; e em olhares dos presentes, indica uma mudança de foco - os "donos" dos olhares já são outros e o sentido desses olhares também. 
III. Sorrisos, abraço, beijo (s). A repetição mostra as formas de contato dos apaixonados e evidencia uma progressão nas ações realizadas por eles.