Interpretação de conto 8ºano com habilidades BNCC (gabarito)



GABARITO

Questão 1
A questão avalia a capacidade do(a) estudante de identificar trechos do texto que apresentam características próprias do gênero, de acordo com a habilidade EF69LP47.
Resposta esperada: “Oh! Pois já dez horas se tinham passado depois que eu abrira os olhos?... Por que então não amanhecera em todo esse tempo!... Teria eu enlouquecido?...”. Esse trecho revela um aspecto fantástico importante: o fato de não amanhecer. E “Por todas aquelas camas, que eu percorria como um louco, só tateava corpos enregelados e hirtos”. Considere também outros trechos que contem sobre a morte de todos os outros moradores do local.
É possível que o(a) estudante apresente dificuldade de destacar os elementos fantásticos do trecho. Nesse caso, retome o conceito de fantástico e a noção de algo que não pode ser explicado pelas leis da realidade. Dessa forma, espera-se que ele(a) perceba que um dia que não amanhece e as mortes abundantes e sem causa aparente se encaixam nessa categoria.

Questão 2
Essa questão avalia a capacidade do(a) estudante de perceber a função da repetição de uma palavra no texto, de acordo com as habilidades EF67LP38 e EF07LP12.
Resposta esperada: A função dessas repetições é ajudar a mostrar o desespero do narrador diante das coisas estranhas e assustadoras que ele presencia.
A principal dificuldade possível é o(a) estudante relacionar o uso das repetições com o contexto do conto. Nesse caso, pergunte a ele(a) em que situações as pessoas costumam repetir o que dizem e qual dessas situações se encaixa melhor no que está acontecendo no enredo. 

Questão 3
Essa questão avalia a capacidade do(a) estudante de identificar uma gradação em um texto literário e perceber sua função, de acordo com a habilidade EF67LP38.
Resposta esperada: A gradação está presente no trecho “Era a morte geral! A morte completa! 
Uma tragédia silenciosa e terrível”. Ela tem a função de expressar à altura o choque sentido pelo narrador ao deparar com todos os moradores do seu prédio mortos.
Espera-se que o(a) estudante não tenha muitos problemas em identificar a gradação no trecho selecionado, mas apresente alguma dificuldade em explicar o efeito de sentido por ela produzido. Nesse caso, peça a ele(a) que volte ao conto e localize o momento em que a gradação ocorre, de forma que perceba que é um dos momentos de maior choque e terror da história.

Questão 4 
A questão avalia a capacidade do(a) estudante de identificar o uso expressivo de reticências em um conto de mistério, de acordo com as habilidades EF69LP47 e EF08LP16.
Resposta certa: D.
A marcação da alternativa a indica que o(a) estudante considerou as reticências destacadas como marcas que indicam hesitações comuns na oralidade. Nesse caso, pergunte ao(à) estudante se há realmente alguma interrupção, alguma frase entrecortada no trecho.
A marcação da alternativa b indica que o(a) estudante identificou as reticências como um recurso para destacar uma palavra ou expressão. Nesse caso, pergunte a ele(a) qual seria a palavra ou expressão destacada no trecho.
A marcação da alternativa c indica que o(a) estudante considerou as reticências uma forma de suprimir um trecho de um texto. Nesse caso, pergunte se há indício de trecho suprimido na parte destacada do conto. Vale destacar, também, que quando há a supressão de um trecho usam-se colchetes ou parênteses em torno das reticências.

Questão 5
A questão avalia a capacidade do(a) estudante de compreender as relações de sentido existentes em períodos compostos por coordenação, de acordo com a habilidade EF07LP11.
Resposta certa: B.
A marcação da alternativa a indica que o(a) estudante tomou uma conjunção comparativa (como) por uma aditiva. Nesse caso, pergunte a ele(a) qual é a relação estabelecida pelo como entre as duas orações e peça-lhe que tente substituir a conjunção como pela conjunção e. Observe o efeito que isso provoca.
A marcação da alternativa c indica que o(a) estudante tomou uma locução conjuntiva concessiva (apesar de) por uma aditiva. Nesse caso, retome com ele(a) qual é a ideia expressa por essa locução para que perceba a noção de contradição, de fato inesperado.
A marcação da alternativa d indica que o(a) estudante não percebeu que a conjunção presente é integrante e não estabelece relação de adição como no trecho destacado. Nesse caso, mostre a ele(a) que a oração subordinada está completando o verbo (lembrar) da principal.