O fingidor - Fernando Pessoa - Gabarito da interpretação



Questão 1
Resposta certa: d.
Essa questão avalia a capacidade de o(a) estudante identificar a ideia central da cena a partir de informações explícitas, de acordo com a habilidade (EF67LP29)
A escolha da alternativa a indica que o(a) estudante não compreendeu que Amália cuida da limpeza da casa e que a datilografia do trabalho será feita por uma pessoa a ser contratada. Nesse caso, retome com o(a) estudante o trecho em que Amália se oferece para ajudar a datilografar e Américo não aceita dizendo que ela já tem o serviço da casa para fazer.
A escolha da alternativa b indica dificuldade similar à da alternativa anterior. Nesse caso, além do que foi observado no item anterior, retome com o(a) estudante que Amália não conhecia Fernando Pessoa, o poeta sobre o qual Américo faz o trabalho.
A escolha da alternativa c indica que, embora Amália tenha sugerido no começo da cena que Américo pare de trabalhar um pouco e ele goste da ideia, ele efetivamente não para o que estava fazendo. Nesse caso, retome com o(a) estudante a rubrica final indicando que Américo volta a datilografar. 

Questão 2
Resposta esperada: Amália trabalha para Américo como empregada ou governanta. Isso fica claro quando Américo diz: “A senhora tem o serviço da casa que já é demais”. Professor: outro trecho em que isso pode ficar evidente é quando ela fala “O senhor quer café com torrada?”, pelo uso respeitoso de “senhor” e por oferecer algo para ele comer.
Essa questão exige do(a) estudante inferência, já que a informação desejada não está explícita no texto. A habilidade de inferência aqui envolve conhecimento do uso de pronomes de tratamento em situações de maior formalidade, bem como atenção às falas das personagens. A habilidade avaliada pela questão é a (EF67LP29).
São duas as dificuldades principais esperadas nessa questão. A primeira é o(a) estudante não perceber que o tratamento de “senhor” e “senhora” indica uma relação de pouca intimidade e de respeito entre eles. Nesse caso, questione o(a) estudante sobre por que eles(as) poderiam usar esses pronomes na conversa entre si. A segunda é não conseguir identificar nas diferentes situações a relação entre as duas personagens. Uma abordagem possível é perguntar ao(à) estudante por que Américo recusa a ajuda de Amália para datilografar o trabalho, revelando o papel dela de manter a casa limpa e arrumada. 

Questão 3
Resposta certa: c.
Essa questão exige do(a) estudante inferência, já que a informação desejada não está explícita no texto. A habilidade de inferência aqui envolve relacionar a fala sobre o anúncio com a fala anterior. A habilidade avaliada pela questão é a (EF67LP37).
A escolha da alternativa a indica que o(a) estudante não percebeu que a fala de Amália é motivada pela fala anterior de Américo sobre a necessidade urgente da contratação de um datilógrafo. Nesse caso, peça ao(à) estudante que releia essas duas falas a fim de perceber essa relação. Chame-lhe a atenção também para o fato de que a conferência só é mencionada na parte final da cena.
A escolha da alternativa b indica que o(a) estudante não percebeu que a continuidade do diálogo gira em torno da ideia de um datilógrafo. Amália fala de seu sobrinho e até se oferece para datilografar, já que tem experiência prévia. Além de chamar a atenção do(a) estudante para isso, peça-lhe que procure algum indício no texto de que Amália precisaria de ajudante nos serviços da casa.
A escolha da alternativa d indica que, além do que foi apontado nas alternativas anteriores, o(a) estudante não percebeu que o trabalho de Américo está ainda na fase inicial e não há nenhuma menção à sua publicação. Por isso, pode-se perguntar ao(à) estudante se ele(a) é capaz de identificar qualquer trecho do texto que avente essa possibilidade.

Questão 4
Resposta esperada: O uso dessa rubrica produz a impressão de que se trata de um diálogo real, no qual há pausas, hesitações etc.
Essa questão avalia a capacidade de o(a) estudante identificar o papel das rubricas no texto teatral, de acordo com a habilidade (EF67LP29).
É possível que o(a) estudante tenha dificuldade de reconhecer o papel dessa rubrica no texto, principalmente se não estiver familiarizado com o texto teatral. Nesse caso, peça ao(à) estudante que visualize a cena e perceba o efeito dos silêncios mencionados. Outra abordagem que pode ser interessante é chamar-lhe a atenção para o fato de que em praticamente todos os momentos marcados por essa rubrica ocorre algum tipo de mudança de assunto.

Questão 5
Item a: 
Resposta esperada: Ele quis dizer que, se Amália não fizesse o serviço da casa, esta ficaria suja e haveria uma infestação de baratas.
Item b: 
Resposta esperada: As aspas foram utilizadas para indicar uma citação, pois a frase era da mãe de Américo, e não dele mesmo. 
Essa questão avalia a capacidade de o(a) estudante compreender o uso de linguagem figurada e aspas no texto, de acordo com as habilidades (EF67LP38) e (EF06LP12).
É possível que os(as) estudantes apresentem dificuldade em relacionar a frase destacada e em linguagem figurada (há uma hipérbole aí) com a informação presente anteriormente na fala de Américo. Nesse caso, questione o(a) estudante sobre o que está ligado ao aparecimento de baratas, de forma que ele(a) perceba que, se Amália não cuidar da casa, haverá mais sujeira e poderão aparecer baratas. 
Pode ser que os(as) estudantes apresentem dificuldades, já que a frase da mãe de Américo não está formatada tipicamente como ocorre em casos de discurso direto (notadamente em textos narrativos), pois é marcada pelas aspas e introduzida por reticências. Nesse caso, chame a atenção do(a) estudante para o verbo de enunciação “dizia” e a menção à mãe como autora da fala. 

Questão 6
Resposta esperada: Amália usa o pronome “esse” para deixar claro que está se referindo a um Fernando específico, no caso Fernando Pessoa, mencionado por Américo um pouco antes.
Essa questão avalia a capacidade de o(a) estudante identificar o pronome como recurso de coesão, de acordo com a habilidade (EF06LP12).
A principal dificuldade esperada é o(a) estudante não ser capaz de compreender o papel exercido pelo pronome na frase. Nesse caso, peça-lhe que identifique de que Fernando Amália está falando, para que ele(a) possa perceber o pronome funcionando como elemento de coesão.