EF09LP12 - Variação linguística (estrangeirismo) Exercício 9ºano com gabarito

Analise os textos I e II para resolver a questão.

Texto I

Os estrangeirismos que passam a integrar o léxico da língua sofrem um processo de “aclimatação”. Alguns são absorvidos integralmente, como “show”, cuja grafia não sofreu alteração, outros são traduções, como “empoderamento” (do inglês “empowering”) e outros são aportuguesados (“esnobe”, de “snob”).

(Folha de S.Paulo.
Disponível em: 
https://thaisnicoleti.blogfolha.uol.com.br/2018/04/23/lingua-portuguesa-em-pauta-conversa-com-carlos-alberto-faraco/?loggedpaywall 

Texto II

Pesquisa revela que "empoderamento" é a palavra do momento e e-commerce foca negócio nessa linha

TERRA.
Disponível em: 
https://www.terra.com.br/noticias/dino/pesquisa-revela-que-empoderamento-e-a-palavra-do-momento-e-e-commerce-foca-negocio-nessa-linha,2dafadb33569588af372659e3616135cmqwmc601.html

Glossário:
E-commerce:
comércio eletrônico.

Com relação ao que foi exposto no texto I, o título de notícia (texto II) apresenta estrangeirismos que
a)
manifestam diferentes tipos do processo de “aclimatação”.
b) foram traduzidos para serem parte integrante do texto.
c) mostram a insuficiência do léxico do português brasileiro.
d) nomeiam elementos inexistentes em língua portuguesa.

GABARITO COMENTADO

Prática de Linguagem: Análise linguística/semiótica

Objeto (s) de conhecimento: Variação linguística

Habilidade (EF09LP12) Identificar estrangeirismos, caracterizando-os segundo a conservação, ou não, de sua forma gráfica de origem, avaliando a pertinência, ou não, de seu uso. 

Alternativa correta: A

a) O aluno identifica que, no título de notícia (texto II), os estrangeirismos são “empoderamento” e “e-commerce”. O primeiro foi traduzido do inglês “empowering” (como evidencia o texto I) e o segundo foi introduzido no texto exatamente como é na língua inglesa. Sendo assim, os dois termos apresentam diferentes tipos do que o texto I chama de “aclimatação”.

b) Dos dois estrangeirismos presentes no título da notícia (texto II), “empoderamento” e “e-commerce”, apenas o primeiro foi traduzido, sendo que o segundo permaneceu com sua grafia original.

c) O uso de estrangeirismos não demonstra insuficiência do léxico da língua portuguesa, até porque, pelo menos no caso de “e-commerce”, seria possível utilizar a expressão “comércio eletrônico”, do português, para designar o mesmo substantivo. Esse fenômeno é bastante estudado por especialistas que apontam diferentes causas, dentre elas, a importação de fatos e não apenas de palavras, ou seja, o comércio eletrônico é chamado de “e-commerce” porque esse modelo foi importado de países de língua inglesa, não tendo surgido em países de língua portuguesa.

d) A palavra “empoderamento” é, de fato, um desafio para a tentativa de estabelecer uma equivalência semântica, tanto que o termo em inglês “empowering” foi traduzido e incorporado pelo português. Porém, alguns outros estrangeirismos, como “e-commerce”, possuem sinônimos em língua portuguesa – “comércio eletrônico”, nesse caso. Assim, conclui-se que nem toda importação linguística serve para  nomear elementos que não existem no país. 

Orientações sobre como interpretar as respostas e reorientar o planejamento com base nos resultados:
Retome o conceito de estrangeirismo, utilizando o texto I como explicação para esse fenômeno linguístico. Depois, sugira a busca, pelos alunos, na internet, de listas de estrangeirismos em língua portuguesa, com diferentes tipos de “aclimatação”, para que eles possam classificá-las como mantidos, traduzidos ou aportuguesados.