Atividade de português 6ºano com habilidades EF67LP37, EF69LP54, EF07LP08, EF67LP05

Os textos abaixo reproduzem as características de cartas de leitores. Leia-os para responder às questões.

PACAEMBU
Ninguém aguenta mais o barulho sem fim dos rojões que começa no meio da tarde e vai até o fim da noite. Torcer é algo normal, mas incomodar famílias desrespeita as regras mais básicas de bom senso e educação. Quando será que as autoridades, que devem garantir o respeito às leis, terão a brilhante ideia de proibir o uso excessivo de fogos?

FOGOS DE ARTIFÍCIO
É comum encontrarmos o uso de fogos de artifício e rojões em áreas públicas na comemoração de fim de ano. Por outro lado, a queima de fogos em bairros residenciais é desnecessária e inaceitável, já que incomoda vizinhos, especialmente crianças e animais de estimação. O que deixa alguns brasileiros alegres torna outros tristes.

Questão 1
Releia este trecho da segunda carta.

Por outro lado, a queima de fogos em bairros residenciais é desnecessária e inaceitável, já que incomoda vizinhos, especialmente crianças e animais de estimação.

A locução “já que” estabelece determinada relação entre duas ideias. A frase em que essa mesma relação está presente é 

a) Decidiu pegar um táxi, porque estava atrasado.

b) Queria acordar cedo, mas o despertador não tocou.

c) Terminou o desenho e guardou os lápis de cor.

d) Levantou da cadeira quando entraram os convidados.

Questão 2
Releia a última frase da segunda carta.

O que deixa alguns brasileiros alegres torna outros tristes.

a) Identifique uma palavra que pode ser usada como adjetivo, mas na frase é um substantivo.

_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

b) Identifique os dois adjetivos na frase. Qual é a relação de sentido entre eles e com que objetivo foram empregados no texto?

_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

Questão 3
As duas cartas são de moradores que criticam o uso de fogos de artifício em suas cidades. Em relação à maneira como elas são elaboradas, pode-se dizer que

a) o autor da primeira carta mostra-se a favor da proibição do uso de fogos de artifício em todas as situações.

b) o uso da expressão “por outro lado” na segunda carta indica que o autor também é contra a utilização de fogos em locais públicos.

c) a utilização da expressão “brilhante ideia” na primeira carta não pode ser considerada uma ironia, já que o autor realmente julga a ideia brilhante.

d) o autor da primeira carta usa o pronome “ninguém” para destacar que o problema dos fogos afeta todos.

Questão 4
É possível considerar que as duas cartas apresentam suas posições de maneira equilibrada, sem recorrer a discursos de ódio ou desconsiderar os direitos humanos? Justifique sua resposta.

_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

_________________________________________________________________

GABARITO

Questão 1
Resposta certa:
a.

Essa questão avalia a capacidade de o(a) estudante reconhecer as diferentes relações estabelecidas entre partes do texto por conjunções ou locuções conjuntivas, de acordo com a habilidade (EF67LP37).

A escolha da alternativa b indica um equívoco do(a) estudante ao não perceber que a relação presente é de oposição. Nesse caso, mostre ao(à) estudante que “acordar cedo” e “despertador não tocar” são ideias contraditórias.

A escolha da alternativa c indica um equívoco do(a) estudante ao não compreender que a conjunção estabelece uma relação de adição. Nesse caso, mostre ao(à) estudante que “terminar o desenho” e “guardar o lápis de cor” são ações consecutivas.

A escolha da alternativa d também indica equívoco similar ao das alternativas anteriores, sendo que, aqui, a relação presente é de tempo. Nesse caso, pergunte ao(à) estudante qual conceito está relacionado com o uso da palavra “quando”, evidenciando a ideia de tempo que ela confere.

Questão 2
Item a:
Resposta esperada:
A palavra “brasileiros”.

Item b:
Resposta esperada:
Os adjetivos “alegres” e “tristes”. Eles apresentam uma relação de oposição.

Essa questão avalia a capacidade de o(a) estudante identificar e reconhecer o papel dos substantivos e adjetivos na construção do texto, de acordo com as habilidades (EF69LP54) e (EF07LP08).

A principal dificuldade esperada é o(a) estudante não perceber que “brasileiro” pode ser um adjetivo ou um substantivo, dependendo do contexto. Nesse caso, retome as funções dessas duas classes gramaticais para identificar se, na frase, a palavra está nomeando ou determinando.

É possível que o(a) estudante não consiga identificar os adjetivos e estabelecer a relação que há entre eles. Nesse caso, retome com ele(a) o conceito dessa classe gramatical e pergunte-lhe quais substantivos da frase estão sendo modificados. Porém, a principal dificuldade esperada é explicar o efeito de sentido que o uso da antítese confere ao texto. Dessa forma, pode-se chegar à ideia central da carta e ao posicionamento do autor, que se coloca contra os fogos em festas particulares.

Questão 3
Resposta certa:
d.

Essa questão avalia a capacidade de o(a) estudante identificar posicionamentos e argumentos e compreender o tipo de circulação social do gênero carta do leitor. A habilidade abordada é a (EF67LP05).

A escolha da alternativa a indica que o(a) estudante não percebeu que o motivo principal da carta do leitor é o uso excessivo de fogos nos dias em que há jogo de futebol. Nesse caso, chame a atenção para o uso da palavra “excessivo”, garantindo que o(a) estudante conheça o significado da palavra. Também é importante perguntar a ele(a) o que motivou o leitor a escrever a carta para que ele(a) perceba ser um fato específico relacionado ao uso de fogos de artifício.

A escolha da alternativa b evidencia que o(a) estudante não foi capaz de perceber que o uso da expressão “Por outro lado” confere uma ideia de oposição em relação à frase anterior. Nesse caso, destaque que, embora o autor do texto não seja explícito, ele(a) considera o uso de fogos em áreas públicas comum, aceitável. Chame a atenção do(a) estudante para o fato de que a expressão introduz uma oposição de ideias, pois, se no caso anterior é aceitável, nas festas particulares deveria ser proibido.

A escolha da alternativa c indica que o(a) estudante não foi capaz de perceber a ironia presente na expressão. Como nessa faixa etária nem sempre os(as) estudantes conseguem compreender essa figura de linguagem em textos escritos, pergunte a ele(a) se o autor da carta realmente acha a ideia de proibir brilhante. Outro recurso que pode ajudar é chamar a atenção para o uso da palavra “simplesmente”, que reforça como essa ideia é simples e não brilhante.

Questão 4
Resposta esperada:
Nas duas cartas é possível perceber que a exposição é conduzida de maneira equilibrada, sem desrespeitar os direitos humanos, já que ambas procuram demonstrar os incômodos causados pelos fogos com argumentos aceitáveis e bem ponderados. É possível considerar que a ironia do trecho “brilhante ideia” apresente um pouco de agressividade, mas nada que possa ser caracterizado como discurso de ódio ou desrespeito aos direitos humanos.  

A questão avalia a capacidade de o(a) estudante identificar se a exposição e a argumentação da carta de leitor são feitas de maneira equilibrada, com ética e sem recorrer a discursos de ódio, de acordo com as habilidades (EF67LP05) e (EF69LP01).

É provável que o(a) estudante perceba sem grande dificuldade a ponderação dos argumentos e o respeito aos direitos humanos. Por outro lado, ele(a) pode apresentar mais dificuldade em justificar sua resposta. Nesse caso, peça a ele(a) que releia as cartas à procura de trechos ofensivos. Peça também que destaque os argumentos apresentados e avalie se são razoáveis ou não.